Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Morfindes a Illidari

Battle for Azeroth (BfA) e o Patch 8.0.1

24.07.18 | A Diva do Sofá

battle-for-azeroth_MAI.jpg

 

Eu sei que tenho andado um pouco desaparecida, mas isso é porque tenho andado bastante atarefada e consequentemente com algumas dificuldades na gestão dos meus blogues. Todavia isso não significa que tenha deixado de jogar. É óbvio que jamais faria uma coisa dessas, no entanto é verdade que ia tendo um treco no sábado passado quando me loguei ao jogo e o dito cujo actualizou para o patch 8.0.1... Não pediu autorização nem nada... senti-me um bocado atropelada e praticamente, logo a seguir, percebi que tinha mesmo sido atropeladinha por um camião.

 

15 bonequinhos no nível 110, o item level mínimo era 880... tudo bem que ainda não tinha chegado aos 930 com os meus dois bonequinhos favoritos (estava no 925 num e 927 noutro), mas bolas!... até estavam porreirinhos. Quando eu entro com a minha hunterzinha e vejo o iLevel nos 202 (ou 203, ou lá o que era)... acho que o meu coraçãozinho parou... foi triste... até me deu vontade de chorar. Depois dizia-me um amigo meu, do jogo, a título de consolação: "Aconteceu-me o mesmo quando saiu a expansão do Warlords of Draenor"... Pois, mas no meu caso quando saiu o Warlords of Draenor eu ainda não tinha entrado em modo "Raid" e por isso não dei conta da situação, só dei agora e doeu.

 

Como se isso não tivesse sido suficiente, os artefactos foram à vida! Não há mais Hati!... Não há mais gaita nenhuma, nem para os bonequinhos que estão entre o nível 100 e 110!! Tudo bem que há os talentos, mas quer dizer... passei o resto do fim-de-semana a reestruturar os talentos dos meus bonequinhos todos!!! É que esta cena dá uma trabalheira desgraçada!! Felizmente há o Icy-veins que nos dá uma ajuda preciosa, mas ainda assim requer alguns testes para ver se os talentos e as rotações sugeridas se adaptam ao nosso tipo de jogo. 

 

É claro que depois há a questão do equipamento... os items lendários podem ser comprados com essências, o que até nem é uma má opção, mas convém escolhê-los bem porque continuamos a só poder equipar  um máximo de 2. 

 

De um modo geral, e uma vez ultrapassado o choque, o horror e a tristeza inicial, penso que a transição está correr de uma forma equilibrada ou pelo menos - para mim - tão equilibrada quanto o possível. Houve bastante informação prévia sobre as alterações que iam ocorrer e isso deu-me tempo para preparar algumas coisas, no entanto uma coisa é saber antecipadamente, outra coisa é ver e a parte do ver - para a minha pessoa - foi um choque. Maneira que ao fim do dia de domingo lá estava eu a testar os talentos e as rotações do meu, mais jovem, paladino o Kaksi. Fiquei igualmente curiosa em testar os hunters em especialização de survival e vou ver se no próximo fim-de-semana, levo a Fantine para uma voltinha, mas não sei o que vai como vai ser porque nunca foi uma especialização com a qual tivesse jogado. O que sei, pelo que tenho lido, é que esta especialização parece que é melhor do que as outras duas e eu como gosto bastante desta classe tenho de ir verificar a coisa. 

 

Outro aspecto muito interessante é que já podemos ver as raças novas que vão estar disponíveis no BfA, os Iron Dwarves e os novos Orcs, cuja criação depende - aparentemente - de um achievement ou de uma questline própria (ou vai na volta, ambas as duas já que são Allied Races). Gostei à brava do look dos Iron Dwarves e definitivamente vou ter de criar um   Os Orcs também estão muito engraçados e eu também gostei deles, e também tenho a certeza que vou criar um, mas achei mais giros os Iron Dwarves.  

 

Finalmente, ainda não fiz tudo o que sugerem que se faça antes da expansão e não tenho a certeza se o farei ou não. Nalguns casos por preguiça, noutros casos porque ainda não decidi se vale a pena, mas daqui a 20 dias conto estar pronta para a nova expansão